A importância da embalagem na distribuição

A embalagem visa proteger a mercadoria durante o transporte para o que deve ser inalterável, de fácil manuseamento e com rotulagem normalizada e adequada às exigências do mercado de destino pelo que tem em conta o meio de transporte a utilizar (terrestre – rodoviário ou ferroviário / marítimo / aéreo).

A importância da componente embalagem advém do fato de, frequentemente, este processo ser encarado de uma forma integrada, englobando a embalagem propriamente dita, o rótulo, a marca e a qualidade.

Na maioria dos casos, as partes devem saber de antemão que tipo de embalagem será necessária para o transporte seguro da mercadoria até ao destino. De fato, proteger fisicamente a mercadoria é uma preocupação fundamental, envolvendo o controlo de aspectos como a adequação do acondicionamento e embalagem, a correta manipulação da mercadoria, a colocação da carga e o armazenamento. Contudo, visto que a obrigação do vendedor de embalar a mercadoria pode variar de acordo com o tipo e a duração do transporte que se tenha em vista, sentiu-se a necessidade de estabelecer, via Incoterms que o vendedor é obrigado a embalar a mercadoria da forma exigida pelo seu transporte, mas só na medida em que as circunstâncias relacionadas com o mesmo sejam levadas ao seu conhecimento, antes da celebração do contrato de venda.

Por outro lado, o vendedor deve ter em vista a proteção da mercadoria durante o transporte, movimentação, armazenagem, comercialização e consumo.

As embalagens a usar nos mercados externos são variáveis, daí a importância do controle da qualidade das embalagens utilizadas, seja para efeitos de transporte ou de apresentação ao consumidor final. O tipo de proteção necessária não é igual para todos os mercados, desde logo dependendo do clima, infraestruturas, etc. Depende também do tipo de transporte e carregamento a que o produto estará sujeito, sobretudo no caso dos perecíveis. Também um canal de distribuição longo e lento exige uma embalagem de maior durabilidade.

Para além dos aspectos ligados à resistência e acondicionamento, são ainda importantes as exigências do mercado alvo e a conformidade com a legislação do país importador, bem como os atributos promocionais da embalagem que ajudam a vender o produto e devem ser atractivas, ajustando-se ao gosto do consumidor, tal como a dimensão da embalagem.

Com o desenvolvimento dos movimentos ambientalistas, tornou-se quase imprescindível ter embalagens elaboradas com materiais recicláveis.

Leia também sobre a importância do rótulo na distribuição.

FONTE: http://www.portugalglobal.pt/PT/Internacionalizar/GuiadoExportador/Paginas/453CanaisdeDistribui%C3%A7%C3%A3o.aspx

Você pode gostar também de ler...

One thought on “A importância da embalagem na distribuição

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *