Diferença entre as Mídias Sociais e as Redes Sociais

A primeira abordagem a ser considerada é sobre a diferença entre mídias sociais e redes sociais. Existe uma confusão quanto a esses conceitos, embora sejam distintos.

As mídias sociais foram criadas com o objetivo de compartilhamento de conteúdo entre os internautas. Através dessas ferramentas, as pessoas podem interagir disponibilizando seus perfis, compartilhando opiniões e perspectivas, expondo visões sobre assuntos variados. Essas mídias englobam fóruns, redes sociais, blogs, podcasts, bookmarks, entre outros.

Redes sociais, por sua vez, podem ser consideradas como sites de relacionamento que abrangem o profissional, o pessoal, o comercial, por exemplo, sendo estruturas sociais formadas tanto por pessoas físicas quanto jurídicas. O grande objetivo das redes sociais é reunir pessoas com interesses comuns, como é o caso do Facebook, Orkut e LinkedIn.

O conceito de rede social antecede à própria criação da internet e sua formação não depende diretamente da tecnologia, entendendo que uma simples reunião entre um grupo de pessoas com o objetivo de interagirem, compartilhando ideias e absorvendo conhecimento, pode formar uma rede social. O Facebook, por exemplo, é uma ferramenta tecnológica que permite a formação de redes sociais através da internet.

As mídias sociais focam no compartilhamento de conteúdo específico criado por muitos e para muitos. Tais conteúdos podem ser através de vídeo, áudio, texto ou imagem. Por exemplo, o Youtube é uma mídia social que tem como foco o compartilhamento de vídeos voltados aos mais variados assuntos e objetivos, inclusive publicitários. Hoje existe uma profusão de mídias sociais no Brasil e no Mundo e o fato é que elas permitem às pessoas se conectarem trocando informações sobre tudo ou quase tudo.

A imagem a seguir, criada pelo publicitário Fábio Rex, define quais são as principais mídias e para que servem ou como as pessoas se comunicam e interagem através delas. Talvez seja uma das melhores ilustrações, pela didática, já criadas até hoje e voltadas a descrever cada uma delas.

Note, pelo exemplo, que o Fábio focou no tema cupcakes (minibolos), demonstrando como um mesmo assunto pode assumir perspectivas diferentes, dependendo da mídia social utilizada. Os erros de ortografia devem ser considerados como propositais pelo autor, que buscou retratar a forma de comunicação empregada em cada uma delas, usualmente.

Repare que o objetivo do autor foi associar o tema cupcake aos interesses comuns de diversas mídias sociais, demonstrando que para cada comunidade pode, mas não necessariamente, existir um público distinto, de acordo com seus interesses.

Aqui se percebe claramente o quanto seria inadequado postar no LinkedIn, formado por uma rede social com objetivos profissionais, uma mensagem comumente postada no Orkut ou Facebook para amigos sobre o cupcake. São comunidades com interesses e funcionalidades distintos. Analisem e tirem as suas próprias conclusões.

Você pode gostar também de ler...
Um comentário em “Diferença entre as Mídias Sociais e as Redes Sociais
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *